Estudo de servidor do Cade analisa implantação do Cade sem Papel

img-20170109-wa0038

Trabalho acadêmico desenvolvido pelo chefe de serviço na Coordenação-Geral de Tecnologia da Informação – CGTI do Cade, Dirceu Polacchini, analisa a sinergia na gestão de stakeholders em projetos complexos.

A verificação tomou como base a implantação do projeto Cade sem Papel, em vigência desde 1º de janeiro de 2015. Por meio da iniciativa, a autarquia passou a utilizar exclusivamente processos eletrônicos na gestão de sua informação e/ou documentação.

O estudo, publicado no periódico eletrônico Revista Universitas: Gestão e TI, parte de uma análise descritiva do caso por meio de pesquisas documental e participativa, com resultados que evidenciam as integrações da metodologia do Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos – PMBOK.

De acordo com o trabalho, os processos sinérgicos foram efetivos a ponto de possibilitar a implantação da solução em um curto intervalo de tempo, gerando um processo global de mudança nas áreas fim e meio, bem como para toda a sociedade.

Clique aqui para ter acesso à íntegra do estudo, intitulado ‘Uma análise da mudança de paradigma na gestão para os stakeholders aplicada ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), na implantação do projeto: Cade sem Papel (Sistema Eletrônico de Informações – SEI)’.

Assessoria de Comunicação Social

23/07/2015 – Notícias referentes ao novo Clique Denúncia

O novo formulário de denúncias Cade, o Clique Denúncia, foi destaque em três matérias na imprensa.

Abaixo estão os links para as notícias publicadas no dia 21/07/2015:

 

20/07/2015 – Cade lança formulário para denúncias integrado ao sistema eletrônico

Foi lançado nesta segunda-feira (20/07) o novo formulário para denúncias ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade. A ferramenta está integrada ao Sistema Eletrônico de Informações – SEI e admite acusações realizadas por qualquer cidadão relacionadas tanto a atos de concentração quanto a condutas anticompetitivas, como cartel.

As denúncias submetidas ao Cade se tornarão automaticamente um processo no SEI. Para iniciar o procedimento, basta clicar em “clique denúncia” disponível na página principal do site. Deverá ser indicado no formulário o tipo de acusação que se pretende fazer, isto é, se é referente a condutas anticoncorrenciais ou a atos de concentração.

No primeiro caso, o cidadão pode delatar prática de cartel, venda casada de produtos e serviços, criação de dificuldades para funcionamento de empresas concorrentes, entre outras. Já na segunda hipótese, podem ser informadas operações não notificadas à autarquia e possíveis descumprimentos de Acordos em Controle de Concentrações firmados em atos já autorizados pelo Cade. Há ainda um campo para outros tipos de reclamação relativa a operações aprovadas pelo órgão antitruste.

A integração do “Clique Denúncia” ao SEI faz parte da segunda fase do projeto Cade sem Papel, por meio do qual foi implementado, em janeiro, o próprio sistema de gestão de processos e documentos eletrônicos da autarquia. A iniciativa tem como objetivo otimizar as rotinas de trabalho e melhorar a capacidade de resposta do Cade ao denunciante.

Ainda dentro do projeto, serão lançados até o fim deste ano novos formulários para notificação de atos de concentração e para requerimento de Termos de Compromisso de Cessação – acordos firmados por pessoas físicas e jurídicas acusadas em processos administrativos que investigam práticas lesivas à concorrência.

28/05/2015 – CADE recebe a visita da Secretaria de Administração do Estado de Pernambuco

No dia 28 de maio de 2015, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade recebeu a visita de representantes da Secretaria de Administração do Estado de Pernambuco – SAD, que veio conhecer a experiência e boas práticas do Cade na implantação do Sistema Eletrônico de Informações – SEI.
Participaram da reunião pelo Cade: Paulo Eduardo Silva de Oliveira e Keila de Sousa Ferreira, e pela SAD: Wagner Benigno G.R. Lyra e Leonardo Cavalcante Carneiro.

Além disso, o Cade tirou dúvidas dos seguintes órgãos a respeito da implantação e de operação  do Sistema Eletrônico de Informações – SEI:

  • Secretaria de Direitos Humanos;
  • Casa da Moeda do Brasil;
  • Comissão de Valores Mobiliários;

17/04/2015 – Cade apresenta experiência de implantação do SEI

Na última terça-feira (14/04), o Cade realizou apresentação sobre o Projeto Cade sem Papel para representantes de órgãos interessados em conhecer o processo de planejamento e implantação do Sistema Eletrônico de Informações – SEI na autarquia.

Participaram do evento cerca de 70 pessoas, representantes de entidades como GDF, Terracap, Fiocruz/Bahia, Trensurb/RS, Fundação Palmares, Embratur, ENAP, IPEA, MPOG, MI, MME, MAPA, MCTI, CGU, Secretaria de Portos, Funai, Arquivo Nacional, IBRAM, ANTT, ANTAQ e AEB.

No turno da manhã, os visitantes receberam informações gerais sobre o Projeto Cade sem Papel, com destaque para o processo de gestão da mudança e as etapas de parametrização e capacitação de usuários. Já no turno vespertino, o grupo foi dividido em três oficinas por área de interesse.

Confira a programação:

10h – 12h30 – Apresentação do Projeto Cade sem Papel (Mariana)

14h30 – 17h – Oficina 1 – Dúvidas e visita à área processual (Paulo)

14h30 – 17h – Oficina 2 – Dúvidas e visita à área de TI (Dirceu/Belmiro)

14h30 – 17h – Oficina 3 – Visão Geral do Sistema SEI (Mariana)

Links:

A experiência do Cade na implantação do SEI

A Infraestrutura de TI para o SEI (Cade)

Desafios e Oportunidades trazidas pelo SEI a CGP (Cade)

10/04/2015 – A experiência do CADE na implementação do SEI

No dia 14/04 realizaremos uma apresentação do Projeto Cade sem Papel para órgãos (Secretaria de Portos da Presidência da República, Eletrobras, Teracap, IPEA, MCTI, Embratur, GDF, Ancine, Trensub, FioCruz, Fundação Palmares)  interessados em conhecer o nosso planejamento e experiência de implantação do SEI.

Para recepcionar um maior número de pessoas usaremos o espaço do Plenário do Cade e gostaríamos de abrir o momento para participação de outros órgãos.

Programação:

10h00 – 12h00 – Apresentação do Projeto Cade sem Papel (Mariana e Paulo)

14h00 – 16h00 – Dúvidas e visita à área processual (Paulo)

14h00 – 16h00 – Dúvidas e visita à área de TI (Alex/Dirceu/Belmiro)

26/03/2015 – CADE recebe a visita do Ministério da Defesa

No dia 26 de março de 2015, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade recebeu a visita de representantes do Ministério da Defesa, que vieram conhecer a experiência e boas práticas do Cade na implantação do Sistema Eletrônico de Informações – SEI.

Participaram da reunião pelo Cade: Dirceu Teixeira Polacchini, Caio C. Barros e Vinicius Eloy dos Reis, e pelo Ministério da Defesa: Milton César Disegna Des. Leite, Aécio Álvares dos Santos, Daniel de Souza Santos, Carlos Eduardo Uchoa e Josane B. N. Guimarães.

19/03/2015 – CADE recebe visita do MCTI, CMB e DNPM.

No dia 19 de março de 2015, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade recebeu a visita de representantes do Departamento Nacional de Produção Mineral – DNPM, da Casa da Moeda do Brasil – CMB e do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação – MCTI, que vieram conhecer a experiência e boas práticas do Cade na implantação do Sistema Eletrônico de Informações – SEI.

Participaram da reunião pelo Cade: Dirceu Teixeira Palaccini, Mariana Boabaid Dalcanale Rosa, Paulo Eduardo Silva de Oliveira e Vinicius Eloy dos Reis, pela CMB: Geraldo Esperança Ferreira e Jessica Paula Leite Cunha, e pelo DNPM: Fábio Fernando Borges e pelo MCTI: Roberto Rocha.

10/03/2015 – Cade recebe visita do MDS e da ENAP

No dia 10 de março de 2015, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade recebeu a visita de representantes do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome – MDS e Escola Nacional de Administração Pública – ENAP, que vieram conhecer a experiência e boas práticas do Cade na implantação do Sistema Eletrônico de Informações – SEI.

Participaram da reunião pelo Cade: Dirceu Teixeira Palaccini, Paulo Eduardo Silva de Oliveira e Vinicius Eloy dos Reis, pelo MDS: Keilly C.C. Oliveira, Renata Cesário de Oliveira Gomes, Felipe Velter Teles e Washigton Oliveira, e pela ENAP, Bruno Pereira Pontes e Fernando Escobar.